quarta-feira, 26 de junho de 2013

Mais umas fotos :)




Um dia de Praia diferente...

O Calor Parece que decidiu dar um ar da sua graça estes últimos dias (e já vem tarde) … tiramos o fim de semana para nós… pois os últimos tem sido maus por diversas razões… fomos atá a praia no final do dia, procuramos um local reservado (se bem que nestas alturas não é fácil) e por ali estivemos a apanhar sol… banhos refrescantes… e algumas provocações que iam crescendo e deixando o ambiente ainda mais quente… Como estávamos um pouco reservados e os olhos que possivelmente nos poderiam observar eram poucos… A Maria decidiu espicaçar-me um pouco mais … tirando a parte de cima do seu bikini tendo ficado com as suas mamas (que por sinal são bem avantajadas) disponíveis ao olhar de que por ali estava ou passava… “senti” alguns olhares discretos  que se regalavam com tal situação mas não me incomodava … aliás ainda me estava a deixar mais doido o facto dela estar a ser observada (quer por homens quer por mulheres)… decidindo eu alimentar um pouco essa “excitação” que por ali pairava… Beijos aqui e ali… massagens aqui e ali… o tempo passava e o dia parecia estar a querer chegar ao fim e as poucas pessoas que por ali estavam começavam a ir embora (mas não sem antes e de forma discreta observarem a Maria)… Estava deveras doido e já por diversas vezes lhe havia mostrado o meu desejo de fodermos mesmo ali em areal aberto… ela nunca negou tal desejo e foi deixando em aberto o facto disso por der vir a acontecer…  
Estava eu deitado sobre o areal o sol já fraco e pouca gente já se avistava quando o meu pénis foi invadido pela boca de Maria que o abocanhava e agarrava em movimentos decididos e ferozes como se não houvesse amanha… como se não lhe tocasse a meses… ela estava decidida e eu estava desejoso… ali ficou por alguns minutos a deliciar-me como um broche fenomenal… já estava tão fora de mim que a rolei sobre a areia e coloquei-me em cima dela numa foda a céu aberto e em que ela me pedia que o colocasse todo dentro dela e assim obedeci… Mesmo a céu aberto mudamos uma e outra vez de posição… Sentimos a adrenalina e o perigo de podermos estar a ser observados e viemo-nos enrolados em gemidos…  Ainda deu tempo para tirar umas fotos para o nosso blog...

quarta-feira, 19 de junho de 2013

A Vizinha ...

Decidimos passar o fim-de-semana enfiados em casa… Andávamos cansados e queríamos disfrutar do belo do sofá … E do nosso espaço… A Maria aninhada num canto lia os seus livros eróticos com os quais ultimamente andava fascinada… Apenas trazia um “vestido” daqueles de usar por casa tendo eu reparado que era a única coisa que tinha sobre seu corpo… É óbvio que aquilo mexia comigo e volta e meia lá me subia a “tensão”… Tínhamos a janela meio aberta e como é grande deixava que a nossa privacidade fosse “roubada” por olhares curiosos … A forma como a Maria estava, os “risinhos” que dava com as peripécias dos seus livros, as posições em que se colocava e que me davam um excelente angulo para ver a sua cona… mexia comigo… também verifiquei numa das minhas idas a varanda que de uma das janelas do prédio vizinho uma senhora observava a paisagem assim como “volta e meia” observava a nossa janela… (Possivelmente devido a luz do sol pouco viria) Claro que a junção daquelas coisas todas fez um clique na minha cabeça… E eu decidi “espicaçar” a Maria (que já me parecia animada com a sua leitura) e desafia-la a chamar ainda mais a atenção da tal senhora que se encontrava na janela… Já que ela estava curiosa iriamos deixa-la ainda mais… A Maria estava pouco recetiva a ideia assim como estava apreensivo (confesso que as vezes tenho as ideias mas coloca-las em prática é um passo mais complicado)… Ma não desisti comecei a tocar minuciosamente no seu corpo… beijar seus lábios… tocar no seu ventre… e ela continuava a ler mas com sinais de cedência claros… o meu tesão estava no aus e mencionei que estava a ficar doido para fode-la… ela sem mais nem menos começa a chupa-lo de uma forma intensa… já estávamos envolvidos… ela continuava… eu “trepava” …
Ela: Sei que estás doido para me levar para junto da janela e me comeres… esse desespero está nos teus olhos…
Eu: Estás a ler muito bem os meus olhos…
Ela: Alem de os teus olhos dizerem isso também diz que estás “mortinho” para que a “vizinha” nos veja e fique louca…
Eu: Continuas a fazer uma bela leitura dos meus olhos…
Ela: Este jogo esta cada vez a deixar-me mais excitada… e tentada a provocar a senhora…
Levou-me para junto da janela … sentou-me numa cadeira e continuou o belo “trabalho” que já havia começado antes… Reparei que os olhos da tal vizinha estavam focados em nós… encontrávamos bem perto do vidro e algo ela conseguiria ver… Quando nos apercebemos ainda mais ficamos excitados os dois e demos uma foda fenomenal… Sabemos que fomos observados até terminarmos… Adoramos este “jogo”…

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Jogo Sensual

… Combinaram um encontro como se fossem dois desconhecidos… Ele comprou-lhe uma roupa  … algo mais clássico… “formal” … uma simples saia com uma “racha” simpática … uma camisa para não usar todos os botões… uns sapatos com uma altura que transbordava elegância…
Chegou o momento certo para usar a roupa sendo que a ideia era um encontro como dois desconhecidos… criar um clima de sedução com uma particularidade… ser muito intensa…
A Maria aprontou-se sendo que a roupa lhe assentou que nem uma luva completou essa bela imagem com a sua maquilhagem que não prescinde nestas ocasiões… como não conduz chamou um táxi de modo a poder seguir até ao local que havia combinado com o seu homem… Entrou no táxi e devido á sua saia com uma certa dose de “sensualidade” ficou com as suas pernas mais expostas sendo essa uma situação de que o taxista se apercebeu perfeitamente… um homem na casa dos quarenta e pouco que ficou deveras atrapalhado… a Maria aproveitou a situação e decidiu espicaça-lo mas apenas isso pois a particularidade do encontro também se poderia aplicar em tudo o que o rodeia… Alem das suas pernas já expostas foi falando com o taxista sobre assuntos que envolvessem a arte de sedução… desapertou mais uns botões á sua camisa… retocou o bâton… e chegada ao seu destino comentou em jeito de “despedida” … -“é pena a viagem curta pois estava muito interessante”… é óbvio que tinha conseguido deixar o taxista meio tó
tó pois era mesmo essa a intenção…
O bar onde se iam encontrar era um local discreto bem frequentado onde se podia apreciar boa musica… ideal para poder desfrutar de um belo jogo de sensualidade…

Quando a Maria entrou foi bastante observada pelo sexo masculino… o seu homem tremeu mas aguentou-se… ambos se aguentaram e continuaram como se dois desconhecidos se tratassem… Ele ficou no seu canto enquanto ela minuciosamente escolheu um lugar privilegiado para poder seduzi-lo bem como espicaçar outros homem criando dessa forma um jogo muito tentado aumentado assim a excitação em ambos… muitas trocas de olhares… muita “dança” de pernas… decote excessivamente “oferecido”… o seu homem adorava vela a ser cobiçada pois sabia que no fim era ele que iria sentir o seu corpo… penetra-la e acabariam juntos num louco orgasmo…  

sábado, 8 de junho de 2013

Aqui está uma pequena amostra da nossa primeira sessão de fotos espero que apreciem. Hoje ainda temos muito prazer para "saborear".